Call Of Duty Warzone: Rambo pode ser o próximo operador a chegar

0

Rambo pode ser o próximo operador a chegar em Call of Duty: Warzone, de acordo com um tweet bastante óbvio.

Para aqueles que talvez não estivessem vivos na época, John Rambo é um icônico herói de ação dos anos 80 que acumulou uma contagem de mortes bastante impressionante em todos os cinco de seus filmes. 

Ele também já apareceu em um jogo moderno como um personagem DLC em Mortal Kombat 11,é ele na imagem acima. Assim como nos filmes, Rambo chegou em Mortal Kombat 11 armado com um arco e flecha, uma faca gigante e uma metralhadora M60.

A única razão pela qual uma metralhadora era mesmo remotamente justa em um jogo de luta era porque os personagens de Mortal Kombat rotineiramente jogam bolas de fogo, fragmentos de gelo e todos os tipos de feitiços. Disparar balas e armar armadilhas era o mínimo que Rambo podia fazer contra gente como Shang Tsung.

Mas agora parece que Rambo pode estar indo para um jogo que é mais a sua velocidade. A conta oficial do Call of Duty noTwitter recentemente tuitou sobre um novo jogador chamado “SURVIVORJOHN # 1009062” e listou várias de suas estatísticas notáveis. 

Ele ganhou todos os cinco jogos que jogou, nunca morreu e matou 552 inimigos, coincidentemente, o mesmo número de pessoas que Rambo matou em todos os cinco de seus filmes . O que, se você os assistisse consecutivamente, duraria cerca de sete horas.

Já que Verdansk foi convenientemente transportado de volta aos anos 80 para a 3ª temporada , Rambo seria o cara perfeito para adicionar como operador à Warzone . 

Isso também marcaria uma grande mudança para o jogo como seu primeiro Operador licenciado, e pode significar que as comportas estão prestes a se abrir para um bando de heróis de ação dos anos 80. O próximo pode ser John McClane, Major Scott McCoy ou talvez até Indiana Jones.

Estaremos atentos a Rambo em futuras atualizações de Warzone. Também ficaremos atentos a um novo sistema de viagens rápidas composto de ” Portas Vermelhas “. Essa é uma referência dos anos 60 em vez de uma referência dos anos 80, mas acho que The Doors é bastante atemporal.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.